quinta-feira, 8 de abril de 2010

HOMEM AVENTUREIRO


Sou homem aventureiro,
Não me encanto em romance
Comigo é só um lance.

Sou homem da noite
Curtidor de balada
Que não quer namorada.

Adoro uma loira,
Sou fã de morena
E admirador de mulher pequena.

Adoro uma ruiva,
Sou fã de mulata,
Se tiver samba na parada
Eu fico até de madrugada.

A vida é pra ser vivida
Dia após dia
Em compasso de alegria.

Tenho minhas responsabilidades,
No trabalho não passo vergonha,
Sou um patrão bacana.

Sou amigo fiel,
Dou tudo de mim
Pra ver alguém feliz.

Meu único defeito é viver a vida
Sem querer companhia.
Mas quem sabe um dia
O Homem lá de cima
Faça um milagre aqui dentro?

Enquanto isto não acontece,
Sigo o meu caminho
Sendo mulherengo e contente
Sem esquecer de pegar firme no batente.



Mesmo sendo um romântico desde nascência, não poderia deixar de fazer uma homenagem aos homens aventureiros, os quais vivem suas vidas de forma desencanada, mas com responsabilidades...


"Você pode fazer coisas erradas, mas não deve deixar de assumi-las a sociedade, pois a sinceridade ganha respeito e admiração de todos mesmo quando o ato foi errôneo".

Um comentário:

Valdemar Almeida disse...

Como sempre, ótima poesia.
As vezes optamos por uma vida "desencanada" não em razão de não querermos ter uma companhia, mas algumas circunstância que nos acontece torna a nossa vida assim, de boa consigo mesmo. Mas, melhor só de que mal acompanhado.

COLABORE COM O MEU TRABALHO CLICANDO NAS PROPAGANDAS E APROVEITE AS NOVAS OFERTAS DOS PATROCINADORES. OS SEGUIDORES DO MEU BLOG TÊM DESCONTOS EXCLUSIVOS COM OS PARCEIROS DO BLOG. PARA OBTER O DESCONTO É NECESSÁRIO ME ENVIAR UM E-MAIL (PÁGINA CONTATOS) PARA RECEBER CONFIRMAÇÃO.